• Equipe Pião

Dicas e exemplos de Análise SWOT – Aprenda a fazer

O termo SWOT é um acrônimo das palavras Strenghts, Weaknesses, Opportunities e Threats que significam respectivamente: Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças. A Análise SWOT, também é conhecida e amplamente aplicada no Brasil, pelo nome Análise FOFA ou FFOA.

A Análise SWOT é um sistema relativamente simples de detalhamento que visa posicionar ou verificar a posição estratégica de uma determinada empresa em seu ramo de atuação, e devido sua simplicidade e abrangência metodológica pode ser utilizada para fazer qualquer tipo de análise de cenário ou ambiente, desde a criação de uma pequena empresa à gestão de uma multinacional.

Mas para entendermos como colocar em prática a Análise SWOT precisamos entender seu conceito e o que cada palavra que compõe seu nome representa. Veja alguns exemplos de perguntas e dicas de como fazer sua análise logo abaixo.

Análise SWOT, exemplos de perguntas para desenvolver cada característica

O exercício de criar a sua Análise SWOT consiste em levantar o maior número possível de itens para cada característica. Portanto, vamos analisar ponto a ponto:

Forças

Está relacionada às vantagens que sua empresa possui em relação aos concorrentes. São as aptidões mais fortes de sua empresa. Para defini-las, responda a algumas perguntas relacionadas a este exemplo de Análise SWOT:

  1. Quais as suas melhores atividades?

  2. Quais seus melhores recursos?

  3. Qual sua maior vantagem competitiva?

  4. Qual o nível de engajamento dos clientes?

As forças também podem ser elementos internos que trazem benefícios para o seu negócio. Uma outra maneira de pensar sobre isso é imaginar os elementos que estão sobre o seu controle, ou seja, você consegue decidir se mantém ou não. Alguns exemplos podem ser:

  1. A união de sua equipe;

  2. Uma certa quantidade de ativos (imóveis, equipamentos modernos, etc.);

  3. Localização privilegiada;

  4. Relacionamentos estratégicos;

  5. Modelo de cobrança.

Fraquezas

As fraquezas são as aptidões que interferem ou prejudicam de algum modo o andamento do negócio. É muito importante haver sinceridade nesta etapa da análise. Pode-se encontrar as fraquezas para sua Análise SWOT utilizando os seguintes exemplos de perguntas:

  1. A mão-de-obra é capacitada?

  2. Existem lacunas de treinamento?

  3. Por que a concorrência foi escolhida?

  4. Por quê meu engajamento não funciona?

As fraquezas encontradas precisam ser examinadas e observadas de forma isolada, para que assim, seja possível nulificar os problemas que ocasionam. Se não for possível corrigir as fraquezas a curto prazo, o ideal é que sejam estudados métodos para minimizar seus efeitos ou tentar contorná-los de modo que se tornem forças relevantes para o negócio. Outros exemplos de fraquezas a serem analisadas:

  1. Produto altamente perecível;

  2. Matéria prima escassa;

  3. Equipe desmotivada;

  4. Tecnologia ultrapassada;

  5. Processo de entrega deficitário.

Ameaças

Ao contrário das oportunidades, as ameaças são forças externas que influenciam negativamente a empresa e devem ser tratadas com muita cautela, pois podem prejudicar não somente o planejamento estratégico da companhia, como também, diretamente em seus resultados. Exemplos de ameaças para sua Análise SWOT:

  1. Novos competidores;

  2. Perda de trabalhadores fundamentais;

  3. Mudança de Leis e parâmetros regulamentadores;

  4. Informatização e automatização de processos.

As ameaças também podem significar os medos que existem por parte da gestão da empresa. Deve-se pensar, mesmo que por alto, maneiras de mitigá-las. Outros exemplos:

  1. Entrada de um concorrente muito maior no mercado;

  2. Pirataria dos seus produtos;

  3. Escassez de mão de obra;

  4. Catástrofes naturais/guerras;

  5. Roubo da tecnologia e informações fundamentais.

Oportunidades

São forças externas que influenciam positivamente a empresa. Não existe controle sobre essas forças, pois elas podem ocorrer de diversas formas, porém, devem ser feitas pesquisas ou planejamentos que prevejam minimamente o acontecimento desses fatos. Como por exemplo:

  1. Mudanças na política econômica do governo;

  2. Alteração em algum tributo;

  3. Investimentos externos;

  4. Ampliação do crédito ao consumidor.

As oportunidades estão relacionadas aos desejos dos gestores e embora elas estejam fora do controle da empresa, deve-se haver uma preparação mínima para o caso delas ocorrerem. Outros exemplos:

  1. Algum modismo esporádico que aumente o consumo de seu produto;

  2. A concorrência precisar de sua ajuda;

  3. Ter acesso à uma nova tecnologia;

  4. Algum produto complementar ao seu ser lançado.

Estes exemplos de perguntas e reflexões para a Análise SWOT devem ser desenvolvidas e interpretadas de forma com que consiga unir os principais componentes que atuam como elementos da análise externa e interna.

O “diagnóstico” deve ser confiável e se fundamentar o planejamento de médio e longo prazo da organização. Esse é um método de administração que auxilia a empresa em diversos aspectos, principalmente, na tomada de decisões.

Bibliografia OLIVEIRA, Wallace. DICAS E EXEMPLOS DE ANÁLISE SWOT – APRENDA A FAZER. Disponível em: <http://www.venki.com.br/blog/exemplo-analise-swot/>. Acesso em 20 de Dezembro de 2018.

#dica #empreendedorismo #marketing #swot

2 visualizações0 comentário